O empate em 1×1 diante do Sport, na Ilha do Retiro, na noite dessa quarta-feira (17) no primeiro jogo da final da Copa do Nordeste, foi comemorado pelos jogadores do Bahia. O resultado surgiu de um escanteio mal marcado pelo árbitro, em lance que seria tiro de meta.

Porém, o presidente do Tricolor, Marcelo Sant’ana, reclamou da arbitragem: “Final não é lugar de menino, de principiante. São dois times de Série A. Com todo respeito ao Piauí, não podia ser um árbitro de lá”, disse.

Antes de encarar o Sport na próxima quarta-feira (24), o Bahia jogará pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, domingo, às 11h, contra o Vasco, no Rio de Janeiro. O Esquadrão lidera com três pontos e o Vasco é lanterna, sem pontuar.

Infomações: Ibahia

Foto: ECB