Um motorista de caminhão foi preso com cerca de três toneladas de maconha na noite de ontem (8) em Feira de Santana, após ser abordado durante uma operação conjunta entre as polícias Federal, Rodoviária Federal e Militar.

De acordo com o delegado Fábio Marques, da Polícia Federal, a apreensão é fruto de uma denúncia anônima, de que uma carga do Rio Grande Sul passaria ontem à noite em Feira de Santana com destino a Natal, no Rio Grande do Norte.

“De posse dessas informações conseguimos identificar os dados qualificativos do motorista, e consultando os bancos de dados verificamos que ele era proprietário de um caminhão. Na BR-116, no posto da Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com policiais militares, da PRF e Polícia Federal, viemos por volta das 22h identificar a passagem desse veículo e fizemos a abordagem. De início o motorista negou que estivesse transportando qualquer material ilícito, mas após uma averiguação mais detalhada, ele confessou onde estaria a carga, foi feita a remoção da carga lícita, que eram 600 sacos de milho, e escondidas nessa carga lícita a gente encontrou cerca de três toneladas de maconha”, informou o delegado

Foto: Divulgação/ Polícia Federal

Ainda conforme o delegado, a carga seria entregue em Feira de Santana, apesar do motorista inicialmente ter dito que a droga seria encaminhada para Natal. “Os elementos da investigação indicam que essa droga era destinada a Feira. A gente calcula, confirmando-se que a droga sejam três toneladas, que está avaliada em R$ 4,5 milhões”, afirmou.

O delegado Fábio Marques informou também que já foram feitas outras apreensões dessa quantidade de drogas e, no ano passado, houve uma apreensão de quatro toneladas em Salvador. O motorista foi autuado em flagrante por tráfico interestadual de drogas, e após a conclusão do procedimento será encaminhado para o presídio de Feira de Santana.


Fotos: Divulgação/Polícia Federal