O ex-prefeito da cidade de Muritiba, Roque Luiz dos Santos (PDT), foi condenado a 11 anos e oito meses de prisão, em regime fechado, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A decisão, que foi tomada pelo Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA), também condenou o empresário Anderson Bela da Conceição Gomes, a oito anos e quatro meses, pelo mesmo crime.

Conforme a denúncia apresentada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA), os dois são acusados de terem se envolvido em um esquema de corrupção no município, entre os anos de 2013 e 2015. As investigações foram realizadas no âmbito da “Operação Adsumus” e comprovaram a atuação da dupla nas ações.

Varela Notícias