Após a polêmica gerada pela falta do transporte escolar em algumas localidades da zona rural do município de Pé de Serra, o secretário de educação Juscelino Rios, enviou uma nota a redação do Jacuípe News, esclarecendo sobre a falta do transporte e as medidas que foram adotadas para sanar o problema.

De acordo com o secretário, a prefeitura já fez o pagamento dos valores devidos aos motoristas e que os mesmo já voltaram a rodar, em nota o secretário também argumenta que o recomeço das aulas após o recesso junino também influenciou para a normalização da frota.

Veja na íntegra a nota enviada pelo secretário:

“É comum em todo começo e recomeço de ano letivo, alguns transportes escolares não rodarem em sua totalidade. Após o recesso junino, alguns veículos que prestam serviços à empresa de transportes licitada encontravam-se com a necessidade de revisão mecânica, por isso, reiniciamos as aulas com 90% da frota. Quanto aos ônibus do Programa Caminho da Escola (amarelinhos) estão atuando normalmente.Com relação ao pagamento desses motoristas, informamos que estamos com o ano de 2018 em dias, sendo que o pagamento do mês de maio foi efetuado pela prefeitura no dia 12 de junho. Porém, a empresa encontrava-se com um pequeno problema de regularidade, impossibilitando o repasse dos valores para os proprietários dos carros, o qual foi resolvido e repassado no último dia 04 de julho. A Secretaria de Educação e de Finanças do município está trabalhando para quitar o mês de junho o mais breve possível e já estamos fechando a planilha de informações para tal fim. Vale ressaltar que os alunos do Povoado de Santo Antônio (Cascalheira) que estudam no colégio do estado não dependem dos transportes terceirizados, mas sim dos amarelinhos que são do município e estão rodando normalmente”.

Redação Jacuípe News